sábado, 29 de outubro de 2011

Webquest

Oi pessoal,

Semana que vem iniciaremos a etapa 3 - Webquest.

Seguem algumas dicas:

1. O que é uma Webquest?

São páginas elaboradas por professores, cujo objetivo é guiar os alunos em um trabalho de pesquisa.

Em uma Webquest, basicamente, encontramos uma introdução (falando sobre a importância do trabalho e os objetivos a serem atingidos); tarefas; recursos; avaliação; conclusão e créditos.

Na Biblioteca da Cidade Virtual (etapa 3) tem material e tutoriais de como se constroi uma webquest.

2. No "projeto de construção de uma webquest" deverá constar no mínimo:

- dados de identificação: módulo, formador, tutor, cursista, atividade.

- público alvo a que se destina WebQuest;

- tema da WebQuest (assunto a ser escolhido e discutido com os alunos)

- Conteúdos;

- Tempo;

- WebQuest (desenvolvimento da mesma, com os seguintes elementos: introdução, tarefa, recursos, avaliação, conclusão e créditos).

3. Diferenças entre uma webquest curta e longa:

Bernie Dodge, criador da metodologia webquest, dividiu a WQ em duas categorias, ligadas à duração do projeto e à dimensão de aprendizagem envolvida e ainda à faixa etária dos alunos. São elas:


WebQuest curta: requer de uma a três aulas para ser explorada e tem como objetivo levar o aluno a percorrer uma significativa quantidade de informação e a compreendê-la, como foco na aquisição e na integração do conhecimento.


WebQuest longa: demanda de uma semana a um mês para ser explorada pelos alunos em sala de aula e tem como objetivo garantir a extensão e o refinamento de conhecimentos

.
Mais informações:
http://rosangelamentapde.pbworks.com/f/tutorial_wq_escolabr1.pdf

4. Um link que pode ajudar como guia para entendimento do que é uma webquest:

http://www.webquestbrasil.org/criador/index.php

.

5. Vocês deverão enviar o arquivo para a biblioteca em formato de power point, para que possamos corrigir a webquest.

Em anexo um exemplo de webquest.

6. Não é obrigatório o aluno publicar no site de webquest.

7. Quem se interessar em publicar, tem que se cadastrar no site http://www.webquestbrasil.org/criador/

8. Mais um link para construção de uma webquest!!!

http://www.youtube.com/watch?v=Dv4AaNC4JD4

Um passo a passo!!!

9. Um site para espiar algumas webquests

http://www.osvaldomorais.com/webquest/ent/nteceduc_intro.htm

10.E mais alguns links do you tube sobre webquest

TUTORIAL Webquest 2º Parte

http://www.youtube.com/watch?v=eCKoPsEDMgY&feature=related

TUTORIAL WebQuest 1º Parte

http://www.youtube.com/watch?v=_-shobZrcdg&feature=related

tutorial webquest

http://www.youtube.com/watch?v=7U-kPm8_7eU&feature=related

tutorial WEB QUEST

http://www.youtube.com/watch?v=f1Hpx-_NxOo&feature=related

Tutorial Google Site + WebQuest.

http://www.youtube.com/watch?v=Dv4AaNC4JD4&feature=related

Crear Webquest

http://www.youtube.com/watch?v=avpn3g1Ss5o&feature=related

Crear Webquest 2

http://www.youtube.com/watch?v=k7VF_DsnFfY&feature=related

Dicas para um bom Vlog

video

quarta-feira, 26 de outubro de 2011

Mais dicas

Como colocar uma apresentação de power point:


Como hospedar arquivos (Link fornecido pelo Luis Amarildo):

http://www.dicasparablogs.com.br/2011/02/hospedar-arquivos-gratis-no-google.html

Mas no final tem umas coisinhas diferentes, que seguem abaixo a orientação, que depois de sofrer aprendi!!!

Passos:

1. Vá para o seu novo site

2. Clique em Mais

3. Administrar site

4. Anexos

5. Clica com botão direito do mouse em donwload

6.Copiar endereço lnk

7. Colar link na postagem do seu blog

8. Publicar postagem no blog

9. Depois para acessar no blog o arquivo clicamos duas no link e baixa o arquivo.


segunda-feira, 24 de outubro de 2011

Novidades para os blogs...

Para todos seguirem segundo a Patricia Kley: http://www.gerenciandoblog.com.br/

Dicas de tempo, do Vitor Almeida: http://www.dicasblogger.com.br/2010/12/como-colocar-previsao-de-tempo-no-blog.html e http://www.tempoagora.com.br/selos.html/

E o código com as cidades e a cor que eu escolhi, esta é a página.

http://www.climatempo.com.br/tempo_no_seu_site.php

Dicas para redes sociais , dica da Begssie López: http://www.dicasblogger.com.br/2011/02/widgets-com-icones-para-redes-sociais.html.

Dicas do Luís Amarildo Corrêa para adicionar gadget , onde se encontra um passo a passo, em vídeo e texto, neste link:
http://www.gerenciandoblog.com.br/2011/06/como-adicionar-gadgets-em-seu-blog.html

Também dicas para gadget http://dicasparablogs.dihitt.com.br/

Para quem estiver como dificuldade de mexer nas configurações de seus blogs segue o link para auxiliar:http://www.compulsivo.com.br/2008/06/como-habilitar-formulario-de.html

Para adicionar uma apresentação de slides, tem um gadget para isso. Mas, para criar um link na postagem que dirija para um arquivo de atividades, olhar este link: linkhttp://www.dicasparablogs.com.br/2011/02/hospedar-arquivos-gratis-no-google.html

sexta-feira, 21 de outubro de 2011

Sobre Blogs...

Dicas para blogs

Construção de blog

http://www.youtube.com/watch?v=2V5a2m30n3A

http://www.esarganil.pt/Documentos/CTIC/como_criar_um_blog.pdf

http://www.youtube.com/watch?v=h0MtiHzNpzc

http://criar1blog.blogspot.com

http://www.blogger.com/home

http://www.google.com.br/support/forum/p/blogger/thread?tid=4d45e419ae75b63c&hl=pt-BR&fid=4d45e419ae75b63c000464649ab589b8&hltp=2

http://fazerblogs.com/como-criar-blog-blogger/

http://www.guiadopc.com.br/dicas/19161/como-fazer-um-blog-blogspot.html

http://www.comocriarblog.com/

http://criar1blog.blogspot.com/

http://igovexplica.wiki.zoho.com/Blog-passo-a-passo.html

www.nuted.ufrgs.br/oficinas/blogs/textos/blogger_tutorial.pdf

http://www.youtube.com/watch?v=lQOlc6qo2mE

http://www.youtube.com/watch?v=zKdWGkT1Nf4

http://www.comocriarblog.com/

http://www.dicasblogger.com.br/p/as-melhores-dicas-sobre-o-blogger.html


E um link para colocar o relógio no blog:

http://relogios-para-sites-e-blogs.blogspot.com/
http://www.ladymellayouts.com.br/

http://dicasparaconfigurarseublog.blogspot.com/2009/03/relogio-como-colocar-um-relogio-no-seu.html

Quem estiver com dificuldade de postar, em geral nos blogs temos a opção "nova postagem", onde vocês vão inserir as postagens. Normalmente, no mesmo local da postagem tem 2 ícones, um para anexar imagem e outro para anexar vídeos. Seguem dois links para ajudar nesta questão:

kelwebdesign.blogspot.com/2007/11/tutorial-postando-textos-e-imagens-no.html

http://blogverde.com/colocar-videos-no-blog-e-facil.html

Link de giffs animados para blogs:

http://magiagifs.110mb.com/animais/animaispage.htm

Como colocar rádio no seu blog....passo a passo!!

http://www.youtube.com/watch?v=AXOKOLLtYXs&feature=related

Previsão do tempo

http://www.dicasparablogs.com.br/2011/06/colocar-previsao-do-tempo-no-blog.html

http://www.climatempo.com.br/

Planos de Fundo e Templates:

http://templatespersonalizadosparablog.blogspot.com/2010/03/qual-diferenca-entre-layout-e-template.html

Segue uns link sobre planos de fundo:


http://coisinhasdenikita.blogspot.com/2011/03/planos-de-fundo-para-blog.html

http://gattune.net/twitter-patterns-temas-para-o-microbloging/#axzz1bRlZeYaf

http://ajuda.forumeiros.com/t36156-tutorial-mudar-plano-de-fundo-do-blog

http://www.youtube.com/watch?v=FhiWWMCbBEc

E lembra da nossa atividade com chat?? É possível criar chat nos blogs! Segue o link:


http://blogger-passo-a-passo.blogspot.com/2010/11/como-colocar-chat-no-blog.html

Fontes: Fórum Ciclo Intermediário – Turma Herval/Jaguarão

quinta-feira, 20 de outubro de 2011

Música no blog

Quer ouvir uma música quando abrir seu blog??? Adicione uma playlist...


Para colocar playlist:
1. Acesse HTtp://scmplayer.net/
2. Escolha uma cor para sua playlist, aparecerá várias opções
3. Clique em ‘Edit Playlist’
4. Pesquise no youtube as músicas de sua preferência que sejam lyrics, pois o vídeo não carrega
5. Copie o link da música
6. Na primeira coluna coloque o nome da música
7. Na segunda, o link
8. Você pode colocar quantas músicas quiser, repetindo os processos (colocando lyrics)
9. Vá para Configure Settings, e coloque autostart na opção Yes.
10. Clique em Done e aparecerá um código de HTML.
11. Copie o código, e vá para seu blog no Blogger.
12. Vá em Design > Elementos da Página e clique em Adicionar um Gadget
13. Escolha a opção de HTML
14. Cole o código ali, e salve. Pronto!

Projeto Integrador


BEGSSIE VICTÓRIA VIEIRA LÓPEZ, JANICE DE ÁVILA RICARDO, MARIA SAR CORRÊA, ROBERTA NUNES MEDEIROS e VITOR HUGO DE SOUZA ALMEIDA


Projeto Integrador

ANA CLEONICE DA SILVA, IÁDIA MARTINS PERES, MOGAR DAMASCENO MIRANDA e PAULA FERNANDA RODRIGUES



Projeto Integrador

Andréia Caetano Araujo, Eduardo Garralaga Melgar Junior e Lutiele Botelho Cardoso.

Projeto Integrador

Projeto Integrador




Projeto Integrador

UNIVERSIDADE ABERTA DO BRASIL

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E

TECNOLOGIA SUL-RIO-GRANDENSE

CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO MÍDIAS NA EDUCAÇÃO

PÓLO DE HERVAL

CURSISTAS: Andréia Caetano Araujo, Eduardo Garralaga Melgar Junior e Lutiele Botelho Cardoso.

DATA: 21 de agosto de 2011.

MÓDULO Projeto Integrador

ATIVIDADE 2 - Projeto integrador (Biblioteca) - Elaborar um projeto pedagógico, integrando, ao menos, duas mídias diferentes estudadas durante o ciclo básico e três disciplinas curriculares.

1. TÍTULO DO PROJETO:

“LIXO! PODE SE TORNAR APOIO PEDAGÓGICO”

Reflexão mediada pelo uso pleno das tecnologias.

2- ESCOLA-CARACTERIZAÇÃO DA REALIDADE:

O projeto será desenvolvido na Escola Municipal de Educação Infantil Edgar Dutra Lisboa, situada na Rua Filisbino da Silva Soares, no Bairro Promorar no município de Arroio Grande RS. O bairro está localizado a l km e meio da sede do município, por esse motivo houve a necessidade da construção de uma escola que atendesse os filhos dos moradores estabelecidos neste local.

A escola está situada em um dos Bairros considerados mais pobres do município, é um bairro carente onde reside grande número de famílias que apresentam um nível socioeconômico baixo, e que muitos não têm renda fixa para o sustento de suas famílias, tornando como principal fonte de renda os programas governamentais e municipais (bolsa família, bolsa escola e ranchos doados pela Prefeitura Municipal).

Ao redor da escola é possível observar casas conservadas e a rua limpa, no entanto ao andar pelo bairro é possível perceber certo desleixo com esses cuidados, atrás da quadra esportiva da escola existe um terreno baldio, onde muitas pessoas colocam lixo, também tem animais soltos (cães, galinhas, cavalos, vacas...) que fazem suas necessidades fisiológicas, colocando em risco a saúde das crianças e pessoas.

Perto da escola existe um Posto de Saúde, onde um médico uma vez na semana atende as pessoas que residem nessa localidade, o restante do dia existe uma enfermeira municipal que fica a disposição da comunidade nos dois turnos (manhã e tarde). Próximo da escola também existe um Centro Comunitário Católico onde a escola sempre participa quando convidada e a comunidade é bem atuante e participativa nesses encontros religiosos, aliás, a única forma de participação que a escola tem com o bairro é essa, já que esse não promove nenhum evento a mais e caso promova a escola não recebe nenhum convite, ao contrário da participação em eventos promovidos pela cidade em que esta participa de todos, quando não pode ir toda a escola sempre vai um ou mais representantes.

Ao lado da escola funciona uma Escola Municipal de Ensino Fundamental. Existem também mini-mercados ao redor da escola, que ao que se percebeu por o bairro se encontrar distante da cidade e por não possuir nenhum transporte municipal coletivo, esses mercados colocam altos preços na mercadoria, dificultando a compra para alguns e explorando os outros, reforçando assim a prática de sociedade excludente e capitalista em que vivemos.

A escola possui suas dependências físicas bem conservadas e limpas e o ambiente é acolhedor, as paredes da escola possuem pinturas com desenhos infantis, murais com mensagens e dizeres, com as datas comemorativas e trabalhos dos alunos. As dependências físicas são distribuídas da seguinte forma: uma secretaria, na qual funciona a direção e Coordenação, um salão com brinquedos diversos onde funciona o Maternal, uma sala decorada e bem conservada em que funciona o Pré B, uma sala pequena conservada e decorada em que funciona como sala de aula para o Pré A e também como refeitório nos momentos das refeições.

Existem banheiros adaptados para as turmas de Educação Infantil e um banheiro para os funcionários. Existe uma cozinha, uma dispensa e um refeitório além da sala que é utilizada para tal finalidade. A escola funciona em turno integral, no qual somente o pré B freqüenta à tarde, os demais alunos ficam na escola nos dois turnos saindo às 17 horas acompanhados de um responsável.

3. SÉRIE EM QUE O PROJETO SERÁ DESENVOLVIDO:

Educação Infantil

4. DISCIPLINAS ENVOLVIDAS:

Ciências (Meio Ambiente; Reciclagem);

Estudos Sociais (Nossas Ações no Bairro);

Português (Leitura de Imagens Áudios-Visuais);

Matemática (Unidades de Medidas, Espaço, Tempo, dentre outras);

Educação Artística (Corte, Montagem, Pintura, dentre outras).

5 – TEMAS ABORDADOS:

- Tema Central: Meio Ambiente

- Sub-tema: Reciclagem, Mídias/Tecnologias; Lixo.

Desse modo, justificamos que:

Estamos vivendo momentos em que o meio ambiente esta sendo prejudicado por diversos fatores, no qual a todo instante urge por transformações que modifiquem a realidade atual. Sabemos que meio ambiente é tudo que está a nossa volta, por este motivo precisamos compreender que uma vez este danificado compromete todo o futuro de uma geração, assim como afirma BOTH, “O meio ambiente vai além das dimensões biofísicas, como vegetação, recursos hídricos, fauna, solos, atmosfera... Envolve as configurações dos conhecimentos, das técnicas, das estruturas e das relações sociais”.

Portanto a educação tem um papel crucial no auxílio de um trabalho voltado à preservação do meio ambiente. As mídias podem ter papel importantíssimo para que consigamos levar aos nossos alunos a importância do meio ambiente, para além dos processos que acontecem no bairro e na escola. Através de vídeos, captura de imagens poderá trazer para a sala de aula interações que iram encantar nossos infantes. Entendemos que a Educação ainda é o melhor caminho para o desenvolvimento de uma educação consciente e justa. A sala de aula é o eixo que aproxima a realidade da teoria. Mas conforme diz BOTH “A educação é um ato político e que, para ser identificada como um ato educativo na perspectiva ambiental necessita mais de uma mudança qualitativa da escola do que de informações eficientes”.

Deste modo se trabalharmos o meio ambiente com exemplos reais da comunidade inserida e com atos que envolva a própria escola, estaremos caminhando na direção certa e com certeza contribuindo para que as crianças/jovens crescem com pensamentos ambientais positivos, que saibam usar os recursos naturais disponíveis com consciência e de forma sustentável.

As tecnologias iram desencadear neste projeto todo o nosso processo pedagógico, é através da exploração dos meios multimídias que iremos trabalhar para desenvolver essa consciência ambiental, problematizando através da ludicidade mediada pelas tecnologias, que conseguiremos tornar esta temática o mais prazerosa para nossas crianças. Pensamos além de trazer vídeos do youtube, levar nossos infantes para o entorno da comunidade, e de posse de uma máquina, eles mesmo poderem captar as imagens que serão objeto de reflexão deste projeto.

Para Almeida “o contexto educativo é um conjunto de circunstâncias relevantes que propiciam ao aluno (re) construir o conhecimento dos quais são elementos inerentes o conteúdo, o professor, sua ação e os objetos histórico-culturais que o constituem”, para a autora, “o contexto é considerado em toda a sua complexidade e multidimensionalidade, englobando as dimensões histórico-social, cultural, cognitiva e afetiva dos sujeitos que o habitam, bem como as tecnologias que dele fazem parte, cujas características devem ser compreendidas para que se possa incorporá-las numa perspectiva crítica”.

Nessa inter-relação, nós docentes e educandos devemos compreender que o meio ambiente é um tema emergencial na realidade atual, o que mais vimos é o lixo sendo utilizado de uma maneira incorreta, prejudicando a debilitando o meio ambiente, portanto trabalhar o lixo no contexto escolar extremamente importante através da reciclagem podemos modificar e transformar muitos objetos, tidos como lixo transformando-os em apoios pedagógicos para educadores em suas práticas escolares.

Almeida ainda reflete que “o uso das tecnologias em contextos significativos para os aprendizes indica que estes se encontram imersos em cenários interativos com a presença de tecnologias”, o que se torna um grande desafio para a escola pública. Sabemos que a escola pública ainda é muito precária, não disponibiliza materiais para ser utilizado no dia-a-dia escolar, se educadores associarem a preservação do meio ambiente com a reciclagem, terá resultados positivos tanto para a aprendizagem dos alunos com para a conscientização de um ambiente mais puro. O lixo será utilizado de forma que propicie uma aprendizagem prazerosa e o mais importante significativa.

Segundo Barros e Cavalcante “a utilização dessas ferramentas midiáticas não pode ser feita por modismo e sim com objetivos claros e definidos no planejamento do professor. É preciso deixar claro o propósito de que precisamos utilizar a tecnologia como mediação do processo ensino-aprendizagem”, é neste intuito que a utilização das mídias neste projeto terá papel primordial para que além de alcançarmos nossos objetivos, possamos desenvolver em nossos educandos consciência plena sobre a importância do meio ambiente.

6. MÍDIAS DISPONÍVEIS PARA INTEGRAR:

- Câmara Digital;

- Vídeos;

- Músicas;

- Computador;

- Televisão;

- DVD;

- Som.

7 – OBJETIVOS:

GERAL:

Conhecer a importância da reciclagem e o cuidado com o meio ambiente no contexto escolar e comunitário com apoio pedagógico mediada pelo uso pleno das tecnologias.

ESPECÍFICOS:

- interagir com diferentes vídeos do youtube sobre a importância da preservação do meio ambiente;

- Confeccionar materiais pedagógicos com diferentes materiais reciclados;

- Confeccionar brinquedos de sucatas;

- Realizar panfletagem na comunidade sobre a preservação do meio;

- Confecção de camisetas pelos próprios alunos sobre os cuidados com o meio ambiente.

- Construir uma pequena área verde na escola pelos próprios alunos;

- Captar através da utilização de máquina digital imagens da escola e da comunidade do entorno sobre situações de descaso e/ou preservação do meio ambiente;

- Identificar como o lixo pode ser transformado em apoio pedagógico;

- Conscientizar a comunidade sobre os cuidados com o meio em que vivem e a importância da tecnologia para a construção destes espaços;

- Expor os trabalhos e fotos realizados sobre o meio ambiente.

8. METODOLOGIA

Durante a execução do projeto serão construídos momentos em que os educandos poderão interagir dialogando com os professores seus saberes sobre a preservação do meio ambiente. Concomitante a isto, iremos juntos olhar vídeos do youtube que falem sobre isto, que trará uma linguagem adequada a faixa etária de nossos alunos.

Em outros momentos, de posse de uma máquina digital os educandos poderão coletar imagens com os professores para dar continuidade às atividades do projeto. Além de ressignificar o espaço escolar, iremos também adentrar no bairro e trazer este para nossas discussões. Além de uma caminhada com panfletagem, confecção de camisetas, brinquedos com sucatas, iremos através de uma máquina digital registrar todos os momentos deste projeto para que possamos montar uma mostra artística do nosso projeto, aberto a toda comunidade escolar e externa.

Não iremos nos deter em descrever as atividades que serão desenvolvidas no projeto, pois estas serão descritas no cronograma.

9. RESULTADOS PARCIAIS E ESPERADOS:

Na apresentação do projeto para a equipe diretiva da escola foi um sucesso. A equipe se mostrou interessada e achou importante a iniciativa de trabalhar esse tema na escola e na comunidade com o auxílio das Tecnologias e mídias.

10. CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO:

A avaliação do projeto será feita através da observação das organizadoras do projeto, na qual o projeto será avaliado quanto à participação dos alunos, se os alunos estão motivados na execução das atividades mostrando-se interessados e animados quanto às atividades propostas.

Nas conversas realizadas com a turma será observada também a questão do entendimento dos alunos, se eles conseguiram compreender a necessidade de cuidar do meio ambiente através das colocações verbais no assunto discutido. Do mesmo modo que as ações dos alunos durante o desenvolvimento do projeto receberão uma atenção especial, será observado se eles estão mudando alguma ação que antes cometiam que agora sabem que agridem o meio ambiente, tais como jogar lixo no chão, pisar em plantas. Será avaliado também o impacto que o projeto trouxe para a comunidade através da participação e envolvimento da comunidade na execução do projeto

11. FORMA DE SOCIALIZAÇÃO DAS PRODUÇÕES:

Mostra artística na escola, organizada em interação com comunidade externa, comunidade escolar, professores e alunos. Iremos organizar com a escola e com há comunidade um dia para que os alunos possam mostrar através de desenhos e/ou imagens o que foi aprendido durante o projeto, bem como será disponibilizado uma amostra dos materiais confeccionados pelos alunos e professores envolvidos no projeto, para que a comunidade acompanhe o trabalho realizado.

12. CRONOGRAMA

Atividade: Apresentação do Projeto e discussão com professores e alunos sobre a importância da preservação do meio ambiente.

15/08/2011

Desenvolvimento da Atividade: Será feita uma reunião com os professores envolvidos no projeto para a apresentação do mesmo, bem como, será discutida a importância de trabalhar o meio ambiente na escola, reflexão mediada pelo uso pleno das tecnologias.

Atividade: Observação do meio ambiente pelas crianças através da utilização de vídeos sobre o meio ambiente.

29/08/2011

Desenvolvimento da Atividade: Os alunos irão para o pátio da escola e irão observar todos os recursos naturais disponíveis, após os alunos irão assistir a um vídeo do youtube sobre a importância de cuidar do meio ambiente, em seguida, haverá uma conversação sobre os cuidados com meio ambiente. Será orientado aos educandos, que tragam materiais recicláveis para o encontro do dia 12 de setembro.

Atividade: Confecção de materiais pedagógicos para o auxílio nas aulas.

12/09/2011

Desenvolvimento da Atividade: Através do material reciclado solicitado no último encontro, em que os alunos e professores poderiam arrecadar. Será confeccionado material de apoio pedagógico, bem como brinquedos pelos próprios alunos.Durante a confecção será conversado sobre qual seria o rumo que esses materiais levariam, bem como a importância de aproveitar os materiais.

Atividade: Confecção da área verde na escola.

14/09/2011

Desenvolvimento da Atividade: Os alunos irão ajudara confeccionar pequenos canteiros de flores no pátio da escola, irão plantar e todos os dias juntamente com a professora aguar as plantas. Enquanto realizam as atividades, será discutida a importância de cuidar das plantas e quais os cuidados que devem ter.

Atividade: Fotografias do Meio Ambiente

26/09/2011

Desenvolvimento da Atividade: Os alunos irão passear no entorno da escola, no decorrer do passeio os professores irão disponibilizar uma máquina digital, cada aluno irá registrar através de imagens ou mesmo vídeos, fotos que mostre o meio ambiente preservado e também situações de mau cuidado.

Atividade: Confecção de um Canto artístico com a exposição das fotos tiradas pelos próprios alunos

28/09/201

Desenvolvimento da Atividade: A partir das fotos que os alunos fizeram comunidade escolar e comunitária na apreciação das atividades realizadas pelos alunos, será exposto em um mural na sala de aula, ao lado será feito um espaço em que os alunos irão desenhar como deveria estar o meio ambiente que eles fotografaram. Será confeccionado com estas imagens um vídeo que mostrará toda a trajetória dos estudantes no desenvolvimento reflexivo destas atividades, bem como, mostrar a importância para os demais professores, gestores e comunidade escola, a importância e imponência que estes registros dão ao planejamento dos professores.

Atividade: Exposição das atividades realizadas durante o projeto na escola.

03/10/2011

Desenvolvimento da Atividade: Será organizado um espaço na escola para a visitação da comunidade escolar e comunitária na apreciação das atividades realizadas pelos alunos.

Observação: as atividades poderão ser alteradas a qualquer momento, pois serão guiadas pelas reflexões realizadas com os estudantes e no diálogo permanente com os demais professores da escola.

13 – REFERÊNCIAS:

ALMEIDA, Maria Elizabeth Bianconcini de. Gestão de tecnologias, mídias e recursos na escola: o compartilhar de significados.

BARROS, Jaqueline Leite Vaz de – UFAL & CAVALCANTE, Maria Auxiliadora da Silva – UFAL. Descobrindo a Cidadania Através das Mídias Educativas: Um Relato de Experiência na Educação de Jovens e Adultos. www.atividadeseducativas.net.br, acesso em 25 de julho de 2011.

amigosdaeducacao.com/atividades-para-educacao-infantil, acesso em 13 de agosto de 2011.

BOTH. Sérgio José. O meio ambiente no interior da escola. Disponível em http://www.mundojovem.com.br/artigo-o-meio-ambiente-no-interior-daescola. php, acesso 10 de agosto de 2011.

RUY. Rosimari A. Viveiro. A Educação Ambiental na Escola. Disponível em http://www.cdcc.usp.br/ciencia/artigos/art_26/eduambiental.html, acesso em 13 de agosto de 2011.

Projeto Integrador

UNIVERSIDADE ABERTA DO BRASIL

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO-GRANDENSE

CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO MÍDIAS NA EDUCAÇÃO

POLO HERVAL

ANALISANDO FILMES NA ESCOLA

BEGSSIE VICTÓRIA VIEIRA LÓPEZ, JANICE DE ÁVILA RICARDO, MARIA SAR CORRÊA, ROBERTA NUNES MEDEIROS e VITOR HUGO DE SOUZA ALMEIDA

JAGUARÃO, 18 DE AGOSTO DE 2011

1. Título do Projeto: Analisando Filmes na Escola

Cursistas: Begssie Victória Vieira López, Janice Ávila Ricardo, Maria Sar Corrêa, Roberta Nunes Medeiros e Vitor Hugo de Souza Almeida.

2. Escolas envolvidas no projeto:

Escola Municipal Manoel Pereira Vargas;

3. Séries em que o projeto será desenvolvido:

6° Ano e 8° série

4. Disciplinas envolvidas:

· Ciências;

· Português;

· Matemática;

· Geografia;

· Religião.

5. Temas abordados:

· Discriminação Social;

· Consumismo;

· Pobreza;

· Preconceito.

6. Mídias disponíveis para integrar:

· DVD;

· Computador;

· Pendrive;

· Internet;

· Vídeo;

· Filmadora;

· Curta metragem: “Ilha das Flores”;

· Filme “Amistad”;

· E-mail;

· Blog.

7. Objetivos:

  • Desenvolver uma visão crítica, capaz de identificar a linguagem utilizada pela mídia para relatar ou denunciar problemas que a sociedade enfrenta;
  • Promover debates e questionamentos que introduzam à aprendizagem de vários conteúdos através desse meio de comunicação, os filmes.
  • Construir e modificar conceitos e visões do mundo através dos filmes;
  • Através do cinema, atuar na formação cultural e criar estímulos cognitivos e sensitivos nos alunos.
  • Criar emails institucionais para os alunos postarem os trabalhos;
  • Utilizar o laboratório de informática para a realização e digitação do trabalho e enviar emails;
  • Destacar as cenas do filme que mais chamou atenção e por que;
  • Relacionar discutir as formas de preconceito;
  • Pesquisar e produzir um texto sobre preconceito.

8. Justificativa

A utilização dos recursos da internet e pesquisa, juntamente com a integralização com salas de vídeos disponível na escola, é transcender a aprendizagem, pois no momento da uso destes recursos o alunos está aprendendo e interagindo com as mídias. “A escola não pode ignorar o que se passa no mundo. Ora, as novas tecnologias da informação e da comunicação transformam espetacularmente não só nossas maneiras de comunicar, mas também de trabalhar, de decidir, de pensar”. (PERRENOUD apud OLIVEIRA, 2001).

Deste modo:

O conviver virtual vai tornar-se quase tão importante como o conviver presencial. A escola precisa de uma sacudida, de um choque, de arejamento. Isso se consegue com uma gestão administrativa e pedagógica mais flexível, com tempos e espaços menos predeterminados, com modos de acesso a pesquisa e de desenvolvimento de atividades mais dinâmicas (MORAN, 2011).

Segundo Moran (1995), a televisão e o vídeo partem do concreto, do visível, do imediato, próximo, que toca todos os sentidos. Mexem com o corpo, com a pele, as sensações e os sentimentos. Isso nos dá pistas para começar na sala de aula pelo sensorial, pelo afetivo, pelo que toca o aluno antes de falar de idéias, de conceitos, de teorias. Partir do concreto para o abstrato, do imediato para o mediato, da ação para a reflexão, da produção para a teorização. O vídeo ajuda a um bom professor, atrai os alunos, mas não modifica substancialmente a relação pedagógica. Aproxima a sala de aula do cotidiano, das linguagens de aprendizagem e comunicação da sociedade urbana, mas também introduz novas questões no processo educacional.

O vídeo está ligado à televisão e a um contexto de lazer, e entretenimento, que passa imperceptivelmente para a sala de aula. Vídeo, na cabeça dos alunos, significa descanso e não "aula", o que modifica a postura, as expectativas em relação ao seu uso. Precisamos aproveitar essa expectativa positiva para atrair o aluno para os assuntos do nosso planejamento pedagógico. Mas ao mesmo tempo, saber que necessitamos prestar atenção para estabelecer novas pontes entre o vídeo e as outras dinâmicas da aula (MORAN, 1995).

9. Metodologia:

9.1.1 Metodologia utilizada na Escola Municipal Manoel Pereira Vargas

9.1.1.1 Professoras responsáveis para aplicar o projeto no 6° Ano:

Begssie Victória Vieira López e Janice Ávila Ricardo

9.1.1.2 Disciplinas específicas para esta série e Escola:

Ciências, Matemática, Informática.

9.1.1.3 Objetivos específicos de aprendizagem:

· Assistir ao curta-metragem “Ilhas das Flores”, de Jorge Furtado;

· Interpretar e debater elementos que compõem a temática abordada no filme;

· Produzir textos orais e escritos que possuam como temática as questões enfocadas em “Ilhas das Flores”.

· Discutir sobre o consumismo e suas conseqüências;

· Contribuir para uma visão integrada da realidade social, desvendando as interdependências entre a miséria e a política nacional e internacional.

· Discutir a questão do lixo na sociedade contemporânea, da má distribuição e desperdício de alimentos, da desigualdade social.

9.1.1.4 Desenvolvimento de atividades:

Atividade 01:

O trabalho pode iniciar com um levantamento de todas as coisas que os alunos gostariam de possuir e não têm (quais são os seus objetos de desejo).

A idéia é partir da experiência de vida do aluno, de como ele se encontra enquanto consumidor e criar um panorama do que a classe gostaria de possuir.

O trabalho se iniciará com a confecção de uma lista, e os alunos irão pesquisar preços na internet, elencando a relação salário e o consumo de seus sonhos (quantos salários custa cada objeto desejado). É importante socializar as informações e promover o debate, o confronto de opiniões.

A tarefa do professor é identificar se os sonhos de consumo apresentados possuem algo além dos bens materiais.

a) Aparece o desejo pela cultura, educação e lazer?

b) Quais são os valores que permeiam o desejo dos alunos? Fazer o aluno refletir sobre o que deseja e por que desejamos.

Cabe inserir a reflexão sobre a massificação, o bombardeio de informações que nos hipnotizam para adquirir produtos.

Os alunos irão pesquisar propagandas que apresentem esses aspectos. A cada propaganda apresentada é interessante analisar para qual público ela se destina, que recursos utiliza para vender os produtos, etc.

Nesse ponto, os alunos estarão em um processo de reflexão intenso e trazer o filme “Ilha das Flores”, irá gerar um novo desequilíbrio. O professor fará a explanação que irá trazer um filme que apresenta consumidores finais de um produto. Após a exibição do filme, com certeza, os alunos estarão aflitos para debaterem.

Atividade 2:

Leitura do poema "O Bicho" de Manuel Bandeira: nessa fase os alunos serão convidados a refletir sobre a condição subumana que alguns homens são submetidos em nossa sociedade.

Esta atividade será constituída, primeiramente, da leitura individual e silenciosa do poema:

O Bicho
Vi ontem um bicho
Na imundície do pátio
Catando comida entre os detritos.

Quando achava alguma coisa,
Não examinava nem cheirava:
Engolia com voracidade.

O bicho não era um cão,
Não era um gato,
Não era um rato.

O bicho, meu Deus, era um homem.
Poema de Manuel Bandeira

Após a leitura silenciosa, serão convidados alguns alunos para declamarem o poema.

Atividade 03:

Assistindo "Ilha das Flores"

Sinopse do filme:

Ilha das Flores é um filme de curta-metragem brasileiro, do gênero documentário, escrito e dirigido pelo cineasta Jorge Furtado, em 1989, com produção da Casa de Cinema de Porto Alegre. Este curta metragem narra o percurso de um tomate estragado desde o momento de sua compra em um supermercado até seu destino em um lixão, onde restos orgânicos servem de comida para um criador de porcos. Após a alimentação dos animais, o proprietário libera a entrada de habitantes da ilha, extremamente pobres, para que procurem por restos de comida. O filme faz uma crítica ao consumismo e a geração desigual de renda na sociedade contemporânea. Assistindo ao filme, além de refletir sobre questões como a pobreza e a desigualdade social também travaram contato com questões socioambientais, como as diferenças entre o consumismo e o consumo responsável ou consciente.

É importante que, ao assistir ao vídeo pela primeira vez, os alunos prestem bastante atenção nas questões por ele abordadas.

Roteiro de leitura do filme

Propor aos alunos que eles deverão assistir ao filme baseados em um roteiro de leitura que busque uma reflexão sobre o mesmo.

-O que chamou sua atenção no Curta Metragem? Por quê?

- Em sua opinião o que aconteceu?

- Com quem?

- Onde?

- Por quê?

- Existe relação entre o tema do poema O BICHO com o vídeo ILHA DAS FLORES?

- Qual o tema abordado nas duas produções?

- As produções apresentam tanto na poesia como no documentário, um lado perverso da realidade humana. Quais aspectos nas obras indicam seu caráter crítico?

Atividade 04:

Debatendo:

Organizar os alunos em grupos e pedir que os mesmos façam anotações acerca de cada um dos pontos citados.

Para que esse momento da atividade se efetive de maneira exitosa, deverá ser exibido o filme, algumas vezes.

A partir das questões e dos pontos empreendidos na atividade anterior, promover um fórum de discussão com a classe. Cada um deles deverá argumentar de que forma tais pontos são colocados no filme, bem como suas opiniões e soluções para tais questões socioeconômicas.

Permitir que os alunos dos demais grupos façam perguntas ou complementem as falas dos colegas. A intenção é que todos visualizem as problemáticas de "Ilha das Flores" como modernas, não fictícias e próximas do nosso cotidiano.

Atividade 05:

Fechamento da Atividade:

1-Cada grupo poderá escolher uma forma de apresentar o trabalho:

a) Painel: Utilizando imagens ou palavras soltas, os alunos, em grupos, apresentam aspectos relacionados ao tema desenvolvido. A idéia é que as palavras e as imagens possam transmitir o que o grupo discutiu e suas conclusões a respeito do tema, sem que seja necessária a utilização de um texto.

b) Dramatização: Alunos podem dramatizar cenas do filme.

c) Apresentação de seminários: Os alunos podem expor as suas conclusões e promover discussões a respeito da visão abordada pelo filme com relação ao tema trabalhado.

Estas apresentações serão filmadas pelo professor.

3- Construir um blog onde serão postadas as produções realizadas com os alunos.

9.1.2. Metodologia utilizada nas atividades da 8ª série:

9.1.2.1. Professor responsável para aplicar o projeto no 8° Ano:

Vitor Hugo de Souza Almeida

9.1.2.2. Disciplinas específicas para esta série e Escola:

· Geografia

· Religião

9.1.2.3. Objetivos específicos de aprendizagem:

· Criar email para postagem de trabalhos;

· Assistir o Filme “Amistad” na sala de vídeo;

· Relacionar o conteúdo com a realidade;

· Pesquisar na sala de informática sobre preconceito;

· Produzir um texto sobre o filme, destacando as cenas que lhe chamaram atenção;

· Relacionar as formas de preconceito;

· Produzir um texto sobre preconceito.

9.1.2.4. Desenvolvimento de atividades:

1º momento:

Os alunos criarem email para enviarem os trabalhos.

2º momento

Os alunos assistirem o filme “Amistad”.

Sinopse do filme:

Costa de Cuba, 1839. Dezenas de escravos negros se libertam das correntes e assumem o comando do navio negreiro La Amistad. Eles sonham retornar para a África, mas desconhecem navegação e se vêem obrigados a confiar em dois tripulantes sobreviventes, que os enganam e fazem com que, após dos meses, sejam capturados por um navio americano, quando desordenadamente navegaram até a Costa de Connecticut. Os africanos são inicialmente julgados pelo assassinato da tripulação, mas o caso toma vulto e o presidente americano Martin Van Buren ( Nigel Hawthorn), que sonha ser reeleito, tenta a condenação dos escravos, pois agradaria aos estados do sul e também fortaleceria os laços com a Espanha, pois a jovem Rainha Isabella II (Anna Paquin) alega que tanto os escravos quanto o navio são seus e devem ser devolvidos. Mas os abolicionistas vencem, e no entanto o governo apela e a causa chega a Suprema Corte Americana. Este quadro faz o ex-presidente John Quincy Adams ( Anthony Hopkins), um abolicionista não-assumido, sair da sua aposentadoria voluntária, para defender os africanos.

3º momento:

Discussão sobre as formas de preconceito;

4º momento

Pesquisa na internet sobre tipos de preconceito

5º momento

Produzir um texto digitado destacando as cenas que mais chamou a atenção e o porquê.

6º momento

Produzir um texto relacionando os tipos de preconceito.

7º momento

Discutir a origem dos africanos e estudar a geografia da África

10. Resultados parciais e esperados:

10.1. Escola Municipal Manoel Pereira Vargas

10.1.1. Escola Municipal Manoel Pereira Vargas- 6° Ano- Profs. Begssie Victória Vieira López e Janice Ávila Ricardo

Tendo em vista as fortes representações sociais que as mídias nos oferecem o que acabam por formar opiniões e hábitos de consumo exagerado, constatamos que a maioria dos alunos ao participarem ativamente das atividades respondem de acordo com o que a mídia nos impõem

Na etapa posterior tivemos o objetivo de fazer com que os alunos refletissem sobre o consumismo, bem como as “verdades” impostas.

Constatou-se que após a primeira sessão do documentário “Ilha das Flores” e do poema “O Bicho”, os alunos demonstraram uma maior sensibilidade as questões referentes à miséria.

10.1.2. Escola Manoel Pereira Vargas- 8° Ano- Prof. Vitor Hugo de Souza Almeida

Que o aluno assista ao filme e destaque as cenas que lhe atingiram mais.

Produza textos com clareza e digitalizados no laboratório de informática, identificando as diversas formas de preconceito e as cenas que destacaram do filme. Relacionando o conteúdo com a realidade.

Que aluno encaminhe por email os trabalhos relacionados.

11. Critérios de avaliação:

A avaliação das turmas envolvidas se dará de forma coletiva em todos os momentos em que os alunos estiverem participando das discussões propostas e individualmente por meio da produção das atividades escritas ou quando solicitada a exposição individual de posicionamento.

12. Forma de socialização das produções:

Na turma do 6º ano, após as produções dos textos, análises e debates os alunos apresentarão os trabalhos desenvolvidos na atividade cinco, onde posteriormente serão disponibilizados no blog para serem acessados por toda comunidade escolar.

Na turma da 8ª série, após a correção dos textos os trabalhos serão encaminhados por email para os colegas comentarem.

13. Cronograma:

13.1. sexto ano: 4 períodos com 45 minutos na primeira semana e 3 períodos de 45 minutos na segunda semana.

Atividade

1ª semana

2º semana

Levantamento de Consumo desejável

X

Poema O Bicho

X

1°. Exibição do filme Ilha das Flores

X

Análise e discussão

X

2º. Exibição do filme Ilha das Flores

X

Produções de Trabalhos

X

Apresentação

X

13.2. Oitava série

Atividade

1ª semana

2º semana

3ª semana

Criação de emails pelos alunos

x

Filme “Amistad”

x

Discussão sobre preconceito

x

Pesquisa sobre tipos de preconceito

x

Texto sobre preconceito

x

Texto sobre as cenas do filme

x

Apresentação dos textos pelos alunos

x

14. Referências

Os diversos tipos de preconceito. Disponível em <http://zoojapan.forumeiros.com/t67-os-diversos-tipos-de-preconceito-e-discriminacao-escala-de-allport > Acesso em 17/08/2011.

GUIMARÃES, Luciana Ribeiro. Série professor em Ação: Atividades para aulas de Ciências: Ensino Fundamental, 6º. Ao 9º. Ano. São Paulo: Nova Espiral, 2009.

MORAN, J. M. O Vídeo na Sala de Aula. Artigo publicado na revista Comunicação & Educação. São Paulo, ECA-Ed. Moderna, [2]: 27 a 35, jan./abr. de 1995 (com bibliografia atualizada). Disponível em: <http://www.eca.usp.br/prof/moran/vidsal.htm> Acesso no dia: 18.08.2011.

MORAN, J. M. Educação e Tecnologias: Mudar para Valer! Disponível em: <http://www.eca.usp.br/prof/moran/educatec.htm> Acesso em: 13 mar. 2011.

OLIVEIRA, C. C. Ambientes informatizados de aprendizagem: Produção e Avaliação de software educativo. 1ªed. Campinas: Papirus, 2001. 144p.